Saiba como a celulite se forma e como realmente tratá-la

Blog // // 26/01/2018

É um fato. Cerca de 98% das mulheres do mundo possuem celulite. Portanto, as chances de você ler este post e não ter pelo menos uma para dizer que você faz parte desta estatística são quase nulas (sorry!). Claro, é um dado que nenhuma mulher gostaria de fazer parte, já que a celulite é uma das nossas maiores inimigas.

A celulite, embora muito temida, nada mais é que um problema causado por alterações no tecido gorduroso sob a pele, o que inclui fatores como flacidez e gordura localizada. Essas alterações se manifestam externamente e deixam a pele com aspecto de casca de laranja.

Na prática você já conhece, mas na teoria é dessa forma que ela se manifesta sob a pele:

Entendendo as causas

Um mito muito comum é que a celulite só atinge mulheres acima do peso. Os “temidos buraquinhos” atingem também mulheres magras ou com o peso normal, isto por que elas também podem apresentar alteração entre a quantidade de gordura e de massa muscular.

A junção entre o excesso de gordura (que pode ser localizada ou não) e a ação dos hormônios femininos é o que forma a celulite. Fatores externos, como o cigarro, má alimentação e sedentarismo também podem favorecer o aparecimento de celulite.

Tipos de celulite

A celulite pode ser categorizada por graus e por tipos, como leve, moderada e avançada. Nos casos mais leves, elas podem ser pequenas e quase imperceptíveis, embora apareçam na contração muscular, já no grau avançado, podem aparecer em grandes quantidades em uma parte do corpo ou em diversas áreas, como coxa, bumbum e abdômen, e ter aspecto de casca de laranja.

Os profissionais se munem de avaliações físicas para avaliar o grau de celulite. Eles observam:

  • Se é possível ver as depressões contraindo ou no relaxamento;
  • O aspecto da depressão;
  • Se está associada à flacidez ou à gordura em excesso.

Existe algum meio de prevenir?

Não existe uma fórmula concreta de prevenção, porém, você pode manter uma dieta equilibrada, praticar atividades físicas e beber muita água para evitar que ela apareça ou evolua para os graus  mais elevados. Acompanhamentos de dermatologistas/fisioterapeutas especialistas na área que utilizem tecnologias de ponta são as melhores opções para tratá-las. e Alguns equipamentos recomendados são Velashape 2 e o Velashape 3.

Apesar de a celulite ser fácil de ser notada, é necessário procurar o dermatologista para descobrir qual o seu tipo e buscar o tratamento mais eficaz. Além disso, é importante saber quais as causas da celulite, se são fatores externos ou não.

NUNCA se automedique ou realize procedimentos caseiros sem procedência, você pode colocar sua saúde em risco, além de poder aumentar o seu grau de celulite. 

Tratamento

A oferta de tratamentos para a celulite é imensa. Para realmente funcionar e trazer resultados visíveis, os tratamentos devem ter potência suficiente para agir em camadas mais profundas da pele, além de estimular a produção de colágeno e promover a circulação.

A drenagem linfática é muito difundida como um tratamento que pode melhorar o aspecto da celulite, pois ajuda a eliminar o líquido acumulado no corpo, mas o seu efeito é superficial. O ideal é que esse tratamento esteja associado a outros que atuem na causa da celulite, que são a gordura localizada, flacidez e a própria retenção líquida. Se não tratar todas as causas, não tem como haver melhora terapêutica.

Uma das tecnologias utilizadas para tratar celulites é a radiofrequência. Essa tecnologia faz com que as moléculas de gordura se “agitem”, aumentando a temperatura e estimulando a produção de colágeno, reduzindo as traves fibrosas que retraem o tecido e deixam a pele cheia de furinhos.

É importante salientar que só a radiofrequência não traz um efeito rápido e tão visível quanto se espera. Unir essa tecnologia, com o infravermelho, a pressão negativa e a massagem mecânica permite que todos os fatores (como flacidez e gordura) que envolvem a celulite sejam tratados.

Um tratamento muito eficaz que reúne todas essas tecnologias mais consagradas para tratar celulite chega com tudo no mercado estético é o Velashape III. Além da radiofrequência, a terceira versão do velashape reúne infravermelho e uma técnica a vácuo. O resultado é surpreendente, pois trata não só a celulite, mas gordura localizada e flacidez. Em pouquíssimas sessões é possível ter a pele mais firme, lisa e sem aparência adiposa. Isso porque a a potência é alta (150W), o que aquece o tecido de uma forma precisa e eficaz. Para completar, o aparelho ainda exige uma manipulação mecânica que age como a drenagem linfática. Quer saber mais sobre o Velashape III? Acesse: Conheça o Velashape III, o tratamento mais esperado do ano.

A Golden Skin é uma das 20 primeiras clínicas a receber o aparelho Velasahape III no Brasil.

Quer saber mais sobre o VelaShape III? Baixo o nosso e-book aqui e receba conteúdos sobre o tratamento!

A sua celulite te incomoda? Deseja resolver este problema de forma rápida e eficaz? Então conheça mais dos nossos tratamentos e viva sem incômodos desnecessários.

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

agende sua consulta

Inscreva-se para reservar um horário

Golden Clinic

SOBRE A GOLDEN CLINIC

Somos uma clínica especializada em dermatologia, laser, longevidade, nutrologia e medicina esportiva. Unimos tecnologia, bom atendimento e qualidade técnica.

ENTRE EM CONTATO

(61) 3242-0122 (61) 3306-1003

SEPS 709/909 Bloco B Sala T10 - Centro

Médico Júlio Adnet - Asa Sul - Brasília, DF

Golden Clinic -- 2017 © Copyright | Todos os direitos reservados | Desenvolvimento por BSB Connect

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?